Siga-nos nas redes

País

Governo tem um mês para coordenar todo o plano de vacinação contra a covid-19

Publicado

em

Tem um mês para definir todo o processo, a ‘task-force’ criada pelo Governo para coordenar todo o plano de vacinação contra a covid-19, desde a estratégia de vacinação à operação logística de armazenamento, distribuição e administração das vacinas.

Segundo o despacho publicado hoje em Diário da República, assinado pelos ministros da Defesa Nacional, Administração Interna e Saúde, esta task-force tem um mandato de seis meses, renovável em função do progresso da operacionalização da vacinação contra a covid-19.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



A ‘task-force’ tem um núcleo de coordenação, liderado pelo ex-secretário de Estado Francisco Ramos e que inclui elementos da Direção-Geral da Saúde, Infarmed e dos ministérios da Defesa Nacional e da Administração Interna e conta com o apoio técnicos de diversas estruturas.

O Estado-Maior-General das Forças Armadas, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, a Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P. (INÇA), os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) e o Serviço de Utilização Comum dos Hospitais (SUCH) são as entidades de apoio técnico.

Ao núcleo de coordenação da task-force compete entregar em 30 dias todos os documentos necessários para definir na totalidade o plano de vacinação contra a covid-19, tanto do ponto de vista da logística (armazenamento e distribuição das diferentes vacinas), como da estratégia de vacinação (identificação dos grupos alvo prioritários, administração e seguimento clínico de resultados e reações adversas).

Deve ainda definir um plano de comunicação com a população sobre a vacinação contra a covid-19, “tendo em vista a disponibilização de informação, de forma objetiva, clara e transparente sobre o processo”, refere o despacho.

Tem ainda de articular com os organismos responsáveis nas Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores todos os aspetos necessários à concretização do plano de vacinação contra a covid-19 naquelas regiões.

“A ‘task force’ pode promover audição de organismos relevantes, como associações públicas profissionais e, sempre que entender necessário, solicitar o apoio de outros peritos ou de outras instituições para o desenvolvimento dos trabalhos a realizar”, acrescenta o despacho.

Os elementos que participam na ‘task force’ não auferem qualquer remuneração pelo exercício das suas funções.

Na semana passada, o primeiro-ministro revelou que Portugal estava preparado para comprar cerca de 16 milhões de doses de três vacinas contra a covid-19 e adiantou que Bruxelas prepara um combate às campanhas de desinformação em relação à vacinação.

Numa conferência de imprensa no final da cimeira de chefes de Estado e de Governo sobre o combate à covid-19, que decorreu por videoconferência, António Costa disse que as vacinas serão distribuídas simultaneamente em todos os Estados-membros e nas mesmas condições.

No caso de Portugal segundo António Costa, “relativamente a três das vacinas, já estão definidas as doses a comprar: numa 6,9 milhões, em outra 4,6 milhões e, na terceira, 4,5 milhões”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: Colisão em Calendário provoca um ferido

Uma pessoa ficou ferida, ao final da tarde desta quarta-feira, na sequência de uma colisão rodoviária na rua Alberto Sampaio,...

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: Colisão em Ribeirão faz dois feridos

Duas pessoas ficaram feridas ao final da tarde desta quarta-feira, na sequência de uma colisão rodoviária na Avenida da Industria,...

Famalicãohá 14 horas

Bombeiros Voluntários Famalicenses de luto com falecimento do elemento Sr. Fernando “Bombeiro”

Faleceu, esta quarta-feira, o Chefe 3 do Quadro de Honra, o Sr. Fernando, conhecido como “Bombeiro”. As cerimónias fúnebres terão...

Desportohá 15 horas

FC Famalicão: Chiquinho agradece “confiança” e garante protagonismo do “coletivo” na atribuição do “Melhor Jogador Jovem do Mês”

O prémio destinado ao melhor jogador jovem da I Liga referente ao mês de janeiro já foi atribuído a Chiquinho....

Desportohá 16 horas

Famalicense João Pinheiro vai arbitrar ‘derby’ entre Porto e Benfica

João Pinheiro, da Associação de futebol de Braga, é o árbitro do clássico de domingo entre FC Porto e Benfica,...

Paíshá 16 horas

Autoridades alertam: Agitação marítima sofre agravamento a partir desta quinta-feira

A Marinha e a Autoridade Marítima alertam hoje a população e a comunidade marítima para estarem vigilantes em relação ao...

Famalicãohá 17 horas

Famalicão: Chuva regressa esta quinta-feira

A chuva regressa, esta quinta-feira, ao concelho de Famalicão, assim indicam as previsões do Instituto Português do Mar e da...

Famalicãohá 18 horas

Famalicão: Suspeito acusa primo da autoria da morte do empresário José Ferreira em Tribunal

Um arguido disse hoje no Tribunal de Guimarães que foi um primo, também arguido, que matou à facada um empresário...

Desportohá 18 horas

Famalicão: “Move-te” distinguido como “Evento Desportivo Local do Ano”

Na última sexta-feira, dia 23 de fevereiro, o programa municipal famalicense “Move-Te”, dedicado à promoção de atividade física ao ar...

Desportohá 19 horas

Seleção Nacional feminina goleia Coreia do Sul por 5-1

A seleção portuguesa feminina de futebol goleou hoje a congénere da Coreia do Sul por 5-1, em jogo de preparação...

Arquivo

Mais Vistos