Siga-nos nas redes

Famalicão

Hospital de Famalicão está a receber pacientes de ginecologia/obstetrícia de Braga e Viana

Publicado

em

A reorganização das urgências tem criado confusão junto de quem opera ambulâncias e utentes traduzindo-se no recurso a hospitais fora da área de residência por “engano” ou “medo”, relataram hoje à Lusa fontes de hospitais do Grande Porto.

“[Na sexta-feira] recebemos duas grávidas em trabalho de parto do Hospital de Santa Maria da Feira. Uma por volta das 14:00 e outra por volta das 19:30”, descreveu à Lusa fonte do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E).

emissão em direto da famatv

Estes episódios aconteceram num dia em que o mapa nacional de reorganização dos serviços de urgência publicado pela Direção-Executiva do Serviço Nacional de Saúde (DE-SNS) apontava que os constrangimentos na Feira só começariam a partir de sábado.

A mesma fonte indicou à Lusa que foi, aliás, contactado o hospital de Santa Maria da Feira para perceber se algo contrário à diretiva da DE-SNS se passava, logo o encaminhamento estaria a ser feito automaticamente para o CHVNG/E, tendo-se confirmado que não.

“Tanto a pediatria como a obstetrícia estavam abertas porque os colegas ligaram para lá e confirmaram que estavam”, referiu a fonte.

A chegada de ambulâncias a hospitais fora da área de residência do utente está a acontecer por “engano”, somando-se relatos de utentes que escolhem, por sua iniciativa, urgências de centros hospitalares centrais por “medo” que nos seus concelhos essas estejam fechadas.

“Os episódios com ambulâncias não são significativos, mas há doentes [de fora] a vir [ao Hospital de São João] pelo próprio pé”, disse à Lusa fonte do Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ), no Porto.

Em causa um hospital que tem sentido aumento de afluência na urgência de pediatria, , indicou a mesma fonte.

“Nos últimos dias [a urgência de pediatria] está com um aumento de 30% [na média diária]”, referiu.

Dezenas de hospitais do país estão a enfrentar constrangimentos e encerramentos temporários de serviços devido à dificuldade das administrações completarem as escalas de médicos, na sequência de mais de 2.500 médicos terem entregado escusas ao trabalho extraordinário, além das 150 horas anuais obrigatórias, em protesto após mais de 18 meses de negociações sindicais com o Governo.

Esta crise já levou o diretor executivo do SNS, Fernando Araújo, a admitir que este mês poderá ser dramático, caso o Governo e os sindicatos médicos não consigam chegar a um entendimento.

Na sexta-feira, a DE-SNS divulgou uma nova deliberação que define os encaminhamentos em caso de constrangimentos nos serviços de urgência de cada hospital, um novo plano de reorganização das urgências que abrange mais de 35 pontos de várias especialidades no país, que vão funcionar com limitações entre hoje e 25 de novembro.

No caso da região Norte, o mapa assinala que terão dificuldades de funcionamento a urgência médico-cirúrgica do Hospitalar de Chaves, nas especialidades de pediatria e ortopedia, com os doentes a serem enviados para Vila Real e Porto (Santo António). Nas noites de 20 e 24, a urgência de ortopedia irá reencaminhar os doentes para o Porto (Santo António). A Urgência Médico-Cirúrgica do Hospital de Mirandela irá referenciar, durante este período, para Bragança.

O Hospital de Braga vai ter dificuldades de responder na urgência de cirurgia geral durante quase todo o período (com exceção do dia de 22 de novembro) com referenciação para o Porto (São João) e os serviços de ginecologia/obstetrícia nos dias 21, 23 e 25, reencaminhando os utentes para Viana do Castelo, Guimarães, Famalicão e Porto (Santo João).

Em Viana do Castelo, o hospital local terá dificuldades em ginecologia/obstetrícia a 19 e 24 de novembro (doentes vão para Braga, Famalicão, Guimarães e Porto – São João) e cirurgia geral a 19, 24 e 25 (utentes reencaminhados para o Porto – São João). A Via Verde AVC e a medicina interna estarão condicionadas nos dias 24 e 25 e a noite de 24, com transporte para Braga.

A Via Verde AVC em Guimarães estará condicionada nas noites de 20, 23, 24 e 25 de novembro (transporte para Braga).

O Centro Hospitalar do Médio Ave, em Vila Nova de Famalicão, irá ter condicionamentos de cirurgia geral de 19 a 21, com reencaminhamento para o Porto (São João).

No Hospital Santa Maria Maior, em Barcelos, a cirurgia geral estará sempre condicionada (hospital de referência é o Porto – São João). Para Braga, poderão ir os utentes de pediatria e ortopedia durante o período noturno nestes dias. Já em Medicina Interna, haverá condicionamentos totais a 19 e 25 e no horário noturno em 23 e 24. Neste caso, os utentes serão transportados para Braga.

Os serviços de cirurgia geral de Vila do Conde (19) e da Póvoa de Varzim/Matosinhos (19, 20 e 25) terão alguns condicionamentos e os utentes seguirão para o hospital de São João, Porto.

Em Penafiel, do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa, haverá limitações em todo o período na cirurgia geral (utentes para Santo António, Porto) e pediatria (no período total dos dias 19 e 25 e no período noturno de 20, 21, 22 e 23), com transporte para o hospital de São João, Porto.

Os serviços noturnos de ortopedia em Gaia e Santa Maria da Feira estarão condicionados (utentes para o hospital de Santo António, Porto). A pediatria na Feira estará condicionada no dia 25 e na noite do dia 19 e em ginecologia/obstetrícia no período noturno do dia 19 e 25 e em todo o dia 23, com reencaminhamento para Gaia.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 12 horas

A chuva vai manter-se até quarta-feira

O tempo cinzento vai manter-se até quarta feira. Para este domingo, o IPMA afirma ainda que estão previstos períodos de...

Famalicãohá 12 horas

Nova estrutura no cemitério de Lousado

A junta de freguesia de Lousado anunciou a construção de um ossário. Esta estrutura com 45 gavetões para cinzas e...

Famalicãohá 13 horas

Lagoa celebra as festas em honra do Divino Espirito Santo

A freguesia de Lagoa, no concelho de Famalicão, celebra este fim de semana a Festa em Honra do Divino Espírito...

Famalicãohá 15 horas

Mercado das famílias interculturais na Praça Dona Maria II

Este fim de semana a Praça D. Maria II acolhe o Mercado das Famílias Interculturais, com expositores de várias nacionalidades:...

Desportohá 17 horas

GD de Joane rumo à subida

O Grupo Desportivo de Joane defronta na tarde deste sábado a equipa do Selhe. Na penúltima jornada da pró nacional...

Famalicãohá 18 horas

GNR faz mais de 350 detenções no espaço de seis dias

Guarda Nacional Republicana (GNR) realizou várias operações em todo o território nacional, entre os dias 10 e 16 de maio,...

Famalicãohá 18 horas

Mercado das famílias interculturais na Praça Dona Maria II

O Município de Vila Nova de Famalicão continua a celebrar a família e a diversidade cultural. A Semana da Família...

Famalicãohá 19 horas

IIV Feira das sopas em Ribeirão

O Agrupamento de escuteiros 1374 realiza, este sábado a VII Feira das Sopas. A iniciativa tem início marcado a partir...

Desportohá 1 dia

Veja os golos! FC Famalicão 1-2 Casa Pia AC

Veja aqui em baixo os golos da partida entre o FC Famalicão e o Casa Pia AC a contar para...

Famalicãohá 1 dia

Famalicão: Colheita de sangue em Joane a 26 de maio

A Escola Benjamim Salgado, na vila de Joane, recebe no dia 26 de maio mais uma colheita de sangue realizada...

Arquivo

Mais Vistos