Siga-nos nas redes

Braga

Braga: Estado irá pagar 16.500 euros por negligência em parto que causou deficiência profunda

Publicado

em

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos (TEDH) condenou hoje o Estado português a pagar 16.500 euros a um casal que alega que houve negligência médica no parto do filho que lhe provocou uma deficiência profunda.

Numa decisão hoje publicada, o TEDH, apesar de negar várias pretensões de Benedito Alves Vilela e Maria dos Anjos Pereira Afonso, pais de Pedro Miguel Vilela que morreu em 2017 aos 23 anos, considera que o Estado deve pagar aos pais 16.500 euros de indemnização, no prazo de três meses, entre outros motivos por atrasos na justiça.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



Os artigos 2 e 8 da Convenção implicam a obrigação de estabelecer um sistema judicial eficaz e independente que permita estabelecer a causa da morte ou dos atentados à integridade física de uma pessoa sob responsabilidade de profissionais, quer atuem no setor público ou em estruturas privadas e, se for o caso, responsabilizá-los por seus atos.

Neste caso, o Tribunal considera que, face à alegada alegação de que a negligência médica esteve na origem da deficiência de Pedro Miguel, “o procedimento administrativo foi viciado na medida em que não deu uma resposta suficientemente rápida para cumprir os requisitos decorrentes da obrigação processual imposta aos Estados pelo artigo 8 da Convenção”.

O tribunal concluiu que houve violação do aspeto processual do artigo 8 da Convenção “pela falta de pronta resposta dos tribunais internos, que demoraram a pronunciar-se sobre as denúncias de negligência médica, mandando pagar uma indemnização pelo prejuízo sofrido a este respeito.

Contudo, o TEDH defende que é “manifestamente infundada” a reclamação em relação ao não cumprimento do artigo 14 da Convenção dos direitos humanos, declarando-a “inadmissível”, mas que foi violado o artigo 8 da Convenção em relação Pedro Miguel.

Este processo judicial começou com uma queixa dos pais de Pedro Miguel alegando que houve negligência médica no parto por parte do Hospital de São Marcos, em Braga, que lhe provocou “100% de deficiência”.

Depois de várias queixas, interpostas pelos pais e pelo hospital e após decisões contraditórias de vários tribunais administrativos, o casal não se conformou e apresentou uma ação no TEDH, a pedir dois milhões de euros de indemnização.

O TEDH decidiu hoje que o Estado os devia indemnizar em 16.500 euros.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 8 minutos

Famalicão: Refood dá a conhecer trabalho desenvolvido no combate ao desperdício alimentar

O núcleo de Famalicão da  Refood, associação que combate o desperdício alimentar e ao mesmo tempo alimenta as pessoas mais...

Famalicãohá 1 hora

Famalicão: Exposição de fotografia mostra aves de Ribeirão 

É inaugurada este domingo, dia 3 de março, nas Piscinas de Ribeirão, Famalicão,  a exposição de fotografia “Ao encontro das...

Famalicãohá 1 hora

Famalicão: incêndio provoca danos materiais num armazém em Joane

Um incêndio provocou, na manhã deste sábado, danos materiais num armazém na vila de Joane, mais concretamente na Avenida Sr....

Paíshá 2 horas

Comboios: foi desconvocada a greve da Infraestruturas de Portugal

A greve dos trabalhadores da Infraestruturas de Portugal (IP) prevista para as próximas terça e quinta-feira foi desconvocada. “A Infraestruturas...

Famalicãohá 4 horas

Famalicão: PS e autarca da UF de Ruivães e Novais “aquecem” sessão da Assembleia Municipal

O presidente da Junta da União de Freguesias (UF) de Ruivães e Novais e a bancada do Partido Socialista envolveram-se...

Paíshá 5 horas

Na próxima semana há nova greve nos comboios. Previstas fortes perturbações para os utentes

Na próxima semana, esperam-se problemas na circulação dos comboios em Portugal Em causa está a greve marcada pelos trabalhadores da...

Famalicãohá 5 horas

Famalicão: Inteligência Artificial é tema para mais uma das Conferências em Educação  

A Escola Padre Benjamim Salgado, em Joane, Famalicão, é o palco para a próxima sessão do Ciclo de Conferências em...

Desportohá 6 horas

Hóquei: FAC e RHAC disputam 19º jornada do campeonato nacional da I Divisão 

Realiza-se, este fim de semana, a 19º jornada do campeonato nacional da I Divisão em Hóquei em Patins. Hoje, sábado,...

Famalicãohá 6 horas

Luís Montenegro encontra-se com jovens em Famalicão este sábado

Luís Montenegro regressará a Famalicão hoje. sábado, para um encontro com jovens de todo o concelho.   O líder da Aliança...

Famalicãohá 19 horas

Famalicão: Festival de Teatro Amador “Terras de Camilo” estreia nova edição este sábado

De 2 de março a 27 de abril, o auditório do Centro de Estudos Camilianos, em Seide, volta a receber...

Arquivo

Mais Vistos