Siga-nos nas redes

País

Carne pode faltar no Natal adverte a Associação Portuguesa dos Industriais da Carne

Publicado

em

A Associação Portuguesa dos Industriais da Carne (APIC) advertiu que pode não haver carne no Natal, na sequência de uma greve.

Na nota, assinada pelo director executivo da associação, Graça Mariano, os fabricantes de carne sublinharam que a greve tem “graves consequências” para as empresas, sublinhando que estas pagam uma taxa de inspecção “que é mais do que suficiente para garantir um número adequado de médicos veterinários para desempenhar funções de inspecção sanitária”.

emissão em direto da famatv

Os trabalhadores em funções públicas, incluindo inspectores de saúde, estarão em greve de 19 a 30 de Dezembro.

Neste sentido, de acordo com a associação, a Direcção-Geral de Alimentação e Medicina Veterinária (DGAV) enviou um fax aos matadouros para que possam tomar precauções no que respeita ao bem-estar animal.

A associação recordou que durante o ano houve várias paragens, que colocaram ainda mais dificuldades às empresas, apesar de notar que não é contra a greve.

No entanto, a APIC expressou o seu “completo descontentamento” pelo facto de, apesar de ter contactado a DGAV, o Ministério da Agricultura e Alimentação, bem como o gabinete do Primeiro-Ministro, António Costa, não ter obtido respostas a este problema.

Como salientou, sem a DGAV ou veterinários das autoridades locais, o abate não pode ter lugar e, no limite, o operador económico pode incorrer num crime contra a saúde pública, “considerando o abate clandestino, cuja punição é uma pena de prisão”.

A associação recordou que o serviço de inspecção sanitária tem lugar mediante o pagamento pelos industriais de uma taxa ao Estado, que pode ascender, em alguns casos, a 35.000 euros por mês, dependendo do volume de abate.

Por outro lado, lamentou que os constrangimentos ao funcionamento normal dos matadouros se mantenham há vários anos, uma vez que a DGAV não dispõe de veterinários em número suficiente, nem tem capacidade para contratar de forma autónoma mais profissionais.

Segundo a mesma nota, a DGAV recorreu assim à colaboração das câmaras municipais, mas não foi possível assegurar o “funcionamento normal” das indústrias de abate.

Em 9 de Dezembro, a associação enviou uma carta ao Ministério da Agricultura e outra ao gabinete do Primeiro-Ministro, declarando que este sector foi “esquecido e maltratado” pelo Governo, pedindo medidas para permitir que os matadouros levassem a cabo o seu trabalho.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 11 horas

Meteoro: Técnicos estão a calcular trajetória da queda

O geofísico Rui Gonçalves informou que duas das quatro câmaras em Portugal da rede AllSky7 registaram o meteoro visto sábado...

Famalicãohá 12 horas

Famalicão: Homem gravemente ferido após acidente de trabalho em Vermoim

Uma pessoa ficou ferida, na tarde desta segunda-feira, na sequência de um acidente de trabalho nas instalações do Horto de...

Desportohá 12 horas

Famalicão: Riba d’Ave é campeão e passa à 1.ª Divisão

Terminada mais uma jornada de disputas, que se realizaram este sábado e domingo. para a Associação de Futasal Amador de...

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: GNR visa segurança dos peregrinos na operação “Bom Caminho 2024”

A GNR realiza a partir de hoje e até 31 de outubro a operação “Bom Caminho 2024” que visa promover...

Desportohá 14 horas

Badminton: FAC garante apuramento para a ‘Final Four’ da Liga de Clubes 2024

A equipa de badminton do Famalicense Atlético Clube disputou neste último sábado e domingo, terceira fase regular da Liga de...

Barceloshá 14 horas

Homem que matou a própria mãe em Barcelos condenado a 22 anos de prisão

O Tribunal de Braga condenou hoje a 22 anos de prisão um homem que matou, por asfixia, a mãe, de...

Desportohá 15 horas

Famalicão: Daniela Lopes e Mafalda Mesquita conquistam ouro e prata em Porto Santo

Este último sábado e domingo marcou mais um fim de semana de competições para os atletas do GD Natação de...

Desportohá 16 horas

Famalicão: 2.ª Jornada do Campeonato Concelhio de Ténis termina com vitórias para o Ténis Clube de Famalicão

Realizou-se, neste último sábado e domingo, a 2. etapa do Campeonato Concelhio de Ténis de Famalicão, que reúne em competição...

Famalicãohá 16 horas

Famalicão: Atropelamento faz um ferido na Avenida do Brasil

Uma pessoa ficou ferida, ao início da tarde desta segunda-feira, na sequência de uma colisão rodoviária, na Avenida do Brasil,...

Famalicãohá 18 horas

Javalis de médio porte avistados junto a casas em Vale São Martinho

(Imagem de arquivo) Dois javalis de médio porte foram avistados na noite deste domingo, dia 19 de maio, junto às...

Arquivo

Mais Vistos