Siga-nos nas redes

País

ESCLARECIMENTO: Clientes de bares e discotecas não têm de usar máscara no interior

Publicado

em

O acesso a bares e discotecas não implica o uso de máscaras facial pelos clientes, segundo a orientação atualizada pela Direção-Geral da Saúde (DGS) em linha com as medidas em vigor.

Já os trabalhadores destes espaços estão obrigados a usar máscara facial, segundo detalha a nova norma da DGS, que determina ainda que os bares e discotecas têm de manter a capacidade máxima determinada de pessoas/serviço do estabelecimento (interior e exterior), observando a legislação em vigor e de afixar essa lotação em documento próprio, visível para o público.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



No dia 26 de novembro, depois de uma reunião com o secretário de Estado do Comércio, Serviços e Defesa do Consumidor, João Torres, o presidente da Associação de Discotecas Nacional (ADN) disse que o Governo tinha confirmado obrigatoriedade do uso de máscara no interior dos estabelecimentos de animação noturna a partir desta quarta-feira, situação que a orientação atualizada da DGS agora divulgada não contempla.

Além da ADN estiveram nessa reunião – realizada depois de o primeiro-ministro ter anunciado as novas regras de controlo da pandemia – a Associação de Discotecas do Sul e Algarve (ADSA) e representantes da diversão noturna do Centro e do Norte.

De acordo com a orientação atualizada da DGS, o acesso a bares e discotecas e outros estabelecimentos de bebidas sem espetáculo e a estabelecimentos com espaço de dança está dependente da apresentação pelos clientes de “certificado de covid da UE nas modalidades de certificado de teste ou de recuperação” ou “outro comprovativo de realização laboratorial de teste com resultado negativo”.

A exigência de certificado de teste ou de recuperação ou outro comprovativo de realização de teste laboratorial com resultado negativo não se aplica aos “trabalhadores dos espaços ou estabelecimentos bem como a eventuais fornecedores ou prestadores de serviços que habilitem o funcionamento dos mesmos, exceto se tal for exigido ao abrigo de outras normas”.

Os bares e discotecas estão obrigados a proibir a entrada a utilizadores que apresentem sintomatologia compatível com a covid-19 e a disponibilizar dispensadores de produto desinfetante de mãos localizados “perto da entrada do estabelecimento e noutros locais convenientes e acessíveis, associados a disponibilização de informação explicativa”.

De acordo com a orientação da DGS, estes espaços têm também de garantir uma adequada limpeza e desinfeção de todas as superfícies do estabelecimento, com a utilização de produtos adequados e de assegurar uma boa ventilação dos espaços,” preferencialmente com ventilação natural, através da abertura de portas ou janelas”, podendo também ser usada ventilação mecânica de ar (sistema AVAC – Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado).

Bares com espaço de dança e discotecas reabriram em 01 de outubro depois de encerrados cerca de 19 meses devido à pandemia.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 5 horas

Chega alega ter sido recebido “aos tiros” em Famalicão. Polícia desmente disparos

O deputado Pedro dos Santos Frazão do Chega divulgou um vídeo onde alega que uma caravana do seu partido terá...

Desportohá 8 horas

Seleção Nacional de ténis de mesa qualifica-se para os Jogos Olímpicos Paris2024

A seleção portuguesa masculina qualificou-se hoje para o torneio por equipas de ténis de mesa dos Jogos Olímpicos Paris2024, ao...

Economiahá 10 horas

Polónia ultrapassa Portugal no valor do salário mínimo

Portugal desceu uma posição na tabela e agora tem o 11º salário mínimo mais alto da União Europeia. De acordo...

Famalicãohá 10 horas

Famalicão: “Máximas” descem dos 23.º para os 15.º graus esta semana. Chuva vai fazer-se sentir esta quinta-feira

Famalicão espera, esta quinta-feira, um dia de chuva (com probabilidade de 100%) assim como uma descida da temperatura máxima, gradual...

Famalicãohá 11 horas

Galeria Municipal de Famalicão expõe obras de Pedro Chorão até 18 de maio

“Superfícies” é o título da mais recente exposição em exibição na galeria municipal Ala da Frente, com obras criadas por...

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: Colisão rodoviária em Ruivães faz um ferido

Uma pessoa ficou ferida, na tarde desta quarta-feira, na sequência de uma colisão entre dois veículos ligeiros na Avenida de...

Bragahá 13 horas

Mulher grávida de 20 semanas atropelada junto ao Centro de Saúde de Fafe

Uma mulher grávida ficou ferida, na manhã desta quarta-feira, na sequência de um atropelamento na rua José Ribeiro Vieira de...

Paíshá 14 horas

Marco Paulo trava batalha contra o cancro pela 3.ª vez

Depois de algumas batalhas contra problemas de saúde, travadas nos últimos anos, o cantor e apresentador português Marco Paulo volta...

Paíshá 14 horas

Quase 2,5 milhões de pessoas já foram vacinadas contra a gripe desde setembro

Quase 2,5 milhões de pessoas foram vacinadas contra a gripe desde o início da campanha de vacinação sazonal, segundo o...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Autora Deolinda Morais da Silva apresenta novo livro em Ribeirão este sábado

É apresentado no próximo sábado, 24 de fevereiro, em Ribeirão, o livro “O Despertar da Alma”, da autora Deolinda Morais...

Arquivo

Mais Vistos