Siga-nos nas redes

País

Advogado Lacerda Machado contratado para aproveitar amizade com António Costa

Publicado

em

O advogado Diogo Lacerda Machado, detido no âmbito da investigação que levou à demissão de António Costa, foi contratado pela Star Campus para “aproveitar a sua relação de amizade com o primeiro-ministro” e a “proximidade” com Vítor Escária.

A informação consta dos autos de buscas da operação hoje citados pelo Expresso.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



Os autos indicam a existência de reuniões suspeitas entre o advogado Lacerda Machado e o chefe de gabinete do primeiro-ministro, Vítor Escária.

De acordo com documentos a que o jornal Expresso teve acesso, essas reuniões aconteciam na residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, e também num gabinete usado por Vítor Escária na sede do Partido Socialista (PS), em Lisboa.

Os encontros podiam ser marcados no escritório da Start Campus, empresa investigada neste caso de negócios de hidrogénio verde e lítio, e ocorrer em “almoços e jantares privados” em que em algumas ocasiões as refeições atingiam um “valor não despiciendo”.

Segundo a equipa de procuradores do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), “o ministro das Infraestruturas, João Galamba, e o presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Nuno Lacasta, almoçavam e jantavam por isso sem nada pagar”.

Os procuradores, citados no Expresso, indicam que o advogado Diogo Lacerda Machado foi contratado pelos investidores da Start Campus e depois diretamente por esta empresa, através de Afonso Salema, um dos administradores.

De acordo com os procuradores, o objetivo era “aproveitar a sua relação de amizade próxima com o primeiro-ministro”, bem como da relação de “proximidade” com Vítor Escária.

O advogado usaria igualmente essa proximidade para pressionar outros membros do Governo, através de Escária, bem como entidades como Instituto da Conservação e da Natureza e das Florestas (ICNF) ou o presidente da Câmara de Sines, Nuno Mascarenhas, para “conferir andamento mais célere e favorável” a assuntos de interesse da Start Campus.

Nos autos de busca é também referido que João Galamba terá usado dois motoristas que prestaram serviço no seu gabinete enquanto secretário de Estado da Energia e Ambiente para que realizassem deslocações apenas para seu “beneficio pessoal”.

Segundo o Ministério Público (MP), o ministro “tem vindo a interferir em praticamente todas as matérias objeto de investigação”, desde os factos relacionados com a mina do Romano até ao projeto de data centre da Start Camps, um projeto avaliado em 500 milhões de euros, mas “perspetivando-se” que rapidamente ascenda aos 2 mil milhões de euros.

O MP indica que João Galamba é também “suspeito de ter ajudado a convencer a autarquia de Boticas a não se opor à exploração do lítio, financiando a autarquia com uma estrada no valor de 20 milhões de euros, acordo que terá tido a colaboração do presidente da APA”.

O primeiro-ministro, António Costa, pediu na terça-feira a sua demissão ao Presidente da República, que a aceitou, após o Ministério Público revelar que é alvo de investigação autónoma do Supremo Tribunal de Justiça sobre projetos de lítio e hidrogénio.

Esta decisão surge na sequência de uma operação sobre negócios do lítio e do hidrogénio verde, coordenada pelo DCIAP e que contou o apoio da Polícia de Segurança Pública (PSP) e Autoridade Tributária (AT).

No âmbito desta operação foram detidos o chefe de gabinete do primeiro-ministro, Vítor Escária, o advogado Lacerda Machado, o presidente da Câmara de Sines, Nuno Mascarenhas e os dois administradores da sociedade Start Campus, Afonso Salema e Rui Oliveira Neves.

O MP constituiu ainda como arguidos o ministro João Galamba e o presidente do Conselho Diretivo da APA, Nuno Lacasta.

Em causa, segundo a Procuradoria-Geral da Republica (PGR) estão crimes de prevaricação, de corrupção ativa e passiva de titular de cargo político e de tráfico de influência.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Economiahá 3 horas

Prazo para validar faturas alargado até esta quarta-feira

A Autoridade Tributária (AT) prolongou por dois dias, até quarta-feira, o prazo para a validação de faturas relativas a 2023...

Desportohá 4 horas

Famalicense Joaquim Cruz conquista medalhas de prata e bronze nos Campeonatos Nacionais de Veteranos em Pista Coberta em Pombal

O atleta Joaquim Cruz, da vila de Ribeirão participou, este fim de semana, nos Campeonatos Nacionais de Veteranos em Pista...

Desportohá 5 horas

Famalicão: Atletas da escola JING-SHE concluem fase de apuramento para a Seleção Nacional Júnior

A Jing-She Escola de Wushu Kungfu de Famalicão levou três atletas (Lara Marques, com 13 anos, Tomás Marques, com 18...

Famalicãohá 5 horas

Famalicão: “Mínimas” descem até aos 3.º graus em quarta-feira sem chuva

Famalicão espera, esta quarta-feira, mais um dia sem chuva, embora com céus nublados, assim indicam as previsões do Instituto Português...

Bragahá 6 horas

PJ desmantela suposta rede de burlas com cartões de crédito na região de Braga

A Polícia Judiciária deteve hoje cinco homens e uma mulher “fortemente indiciados” por crimes de associação criminosa, contrafação de cartões...

Famalicãohá 6 horas

Famalicão: Torneio Inter-Bombeiros presta homenagem ao “camarada” Sérgio Azevedo recentemente falecido

Foi homenageado, este fim de semana no Torneio 24 horas Inter-Bombeiros realizado pelos Bombeiros Voluntários Famalicenses, Sérgio Azevedo da corporação...

Famalicãohá 7 horas

Famalicão: Análises à concentração de arsénio em Lousado devem abranger rio e campos agrícolas diz o PAN

A necessidade da realização de análises do solo “mais abrangenstes” em Lousado foi destacada pela Comissão Política Concelhia do PAN,...

Regiãohá 8 horas

GNR: Mais de 14 mil pares de calçado contrafeito apreendidos em Vila do Conde. 14 detidos

Esta segunda-feira, a GNR de Vila do Conde deteve sete mulheres e sete homens, cujas idades variam entre os 25...

Famalicãohá 9 horas

Famalicão: Despiste rodoviário em Antas resulta em 2 feridos

Duas pessoas ficaram feridas, ao início da tarde desta terça-feira, na sequência de um despiste rodoviário na Travessa 8 de...

Regiãohá 9 horas

Vila do Conde pondera aplicar taxa turística municipal

Uma taxa turística municipal de um euro por noite, está em discussão pública, no Município de Vila do Conde até...

Arquivo

Mais Vistos