Siga-nos nas redes

País

Portugal procura médicos no Brasil e oferece 2.800 euros por mês e “casa de função”

Publicado

em

A Administração Central do Sistema de Saúde fez publicar no Brasil um anúncio para cativar médicos brasileiros para centros de saúde em zonas de maior carência de médicos de família em Portugal, oferecendo 2.863€/mês e “casa de função”.

Segundo noticia hoje o jornal Público, que cita o anúncio que está a ser divulgado no Brasil, o Ministério da Saúde manifesta-se “interessado em recrutar médicos para os cuidados de saúde primários”, oferecendo-lhes contratos com a duração de três anos em centros de saúde das regiões de Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve.

A carga horária será de 40 horas semanais, com possibilidade de concentrar a semana de trabalho em quatro dias, e os médicos terão direito a 22 dias úteis de férias, escreve o jornal.

Além da remuneração mensal de 2.863,12 euros ilíquidos (14 meses por ano), mais seis euros de subsídio de refeição por dia e a “possibilidade de realização de trabalho suplementar”, os candidatos terão “um período de integração no posto de trabalho com apoio de um médico do serviço”.

Segundo o anúncio, a “casa de função” será atribuída pela autarquia “na área geográfica limítrofe” do local de trabalho.

Contudo, escreve o Público, os médicos devem ter “o reconhecimento de qualificações estrangeiras” em Portugal e, “preferencialmente, um mínimo de cinco anos de experiência”.

Visitando o ‘blogue’ do Correio Braziliense, o Público escreve que o aviso da ACSS está a ser divulgado através de universidades brasileiras, a quem foi enviado, e que as universidades estão a “replicar” o anúncio pelos “seus ex-alunos” e por “funcionários de hospitais ligados às instituições”.

Ao jornal, o Ministério da Saúde esclareceu que este não é um concurso de recrutamento, mas sim uma manifestação de interesse destinada a potenciais candidatos que reúnam condições para vir trabalhar para Portugal.

A mesma fonte sublinhou que o que se pretende é contratar médicos não especialistas em medicina geral e familiar para assegurarem o atendimento de cidadãos que não têm médico de família atribuído em Portugal – e que eram mais de 1,6 milhões em julho.

Sem adiantar detalhes, em resposta escrita, a ACSS diz ao Público que o anúncio consiste numa “súmula” que “ainda está a ser trabalhada” e através da qual “estão a ser testadas as condições que poderão a vir a ser oferecidas”.

Quanto à remuneração proposta, explica que “tem como referência a prestação de serviços médicos em atendimento em cuidados de saúde primários, para um horário semanal de 40 horas”.

A ACSS destaca igualmente que este “é um processo de contratação de natureza transitória, que visa facilitar o acesso regular das populações a cuidados médicos, enquanto decorre o processo de formação dos necessários especialistas em Medicina Geral e Familiar e a generalização das Unidades de Saúde Familiar (USF) modelo B”.

O problema da falta de médicos de família tem-se agravado nos últimos anos porque está a ocorrer um elevado número de aposentações de especialistas em medicina geral e familiar e porque uma parte dos novos especialistas prefere não ocupar as vagas abertas nas regiões mais carenciadas. Além disso, com a chegada de imigrantes a Portugal, tem crescido o número de inscritos no SNS.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

PASSOU EM DIRETO

Publicidade Publicidade

pub

LER JORNAL

Artigos Recentes

Famalicãohá 11 horas

Famalicão: Homem encontrado morto à porta de um prédio. Queda terá sido a causa da morte

Um homem, com cerca de 40 anos, morreu, na madrugada deste domingo, sendo que as causas da morte ainda estão...

Desportohá 12 horas

Euro2024: Marco Guida vai arbitrar a estreia de Portugal diante da República Checa

O árbitro italiano Marco Guida vai arbitrar a estreia de Portugal no Euro2024 frente à República Checa, em partida agendada...

Desportohá 13 horas

Atletismo: EARO, de Famalicão, no top ten dos Campeonatos Nacionais Sub16. Sporting sagrou-se campeão

A Escola de Atletismo Rosa Oliveira (EARO) participou este sábado, dia 15 de junho, com três atletas da sua formação...

Desportohá 14 horas

Famatv transmite “super tarde” de motocross a partir de Vieira do Minho em mais uma jornada do Nacional da modalidade sob a égide da Federação de Motociclismo de Portugal.

Em direto, este domingo, a partir das 13:15 Passou em direto na Famatv

Famalicãohá 14 horas

Famalicão: Aviso Amarelo devido à previsão de chuva persistente para esta segunda-feira

O concelho de Famalicão espera, esta segunda-feira, mais um dia com previsões de chuva, à semelhança deste domingo, de acordo...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Santo António em Castelões termina com Vítor Rodrigues

As festas de Santo António na freguesia de Castelões, Famalicão, já começaram na sexta-feira e terminam este domingo, com diversas...

Famalicãohá 16 horas

Famalicense, autor do atropelamento mortal de jovem em Braga, é conhecido no mundo das corridas ilegais

O condutor do BMW branco, automóvel conhecido pela participação em corridas ilegais de drift, é residente em Famalicão e tentou...

Famalicãohá 17 horas

Famalicão: José Moreira, de Esmeriz, completou um século de vida

Este sábado, dia 15 de junho, José Moreira, de Esmeriz, completou a bela idade de 100 anos. Assim, a família...

Desportohá 17 horas

Famalicão: Move-te regressa amanhã com quase 200 aulas de desporto ao ar livre

A partir desta segunda-feira, 17 de junho, está de regresso o programa “Move-te” em Vila Nova de Famalicão. Até ao...

Bragahá 17 horas

Braga: Jovem de 18 anos morre atropelado durante corrida ilegal. Condutor é de Famalicão

Um jovem de 18 anos morreu atropelado na madrugada de sexta para sábado, depois de ter sido colhido por um...

Arquivo

Mais Vistos