Siga-nos nas redes

País

Hospitais: 32 grávidas encaminhadas para o setor privado nos primeiros 2 meses deste ano

Publicado

em

Nos primeiros dois meses do ano foram encaminhadas para maternidades do setor privado 32 grávidas, de acordo com a Direção Executiva do Serviço Nacional de Saúde (DE-SNS), que sublinha que estes casos têm sido pontuais.

No total, dos 4.140 partos, menos de 1,5% foram encaminhados para unidades convencionadas com o SNS sempre que esteve preenchida a capacidade instalada na região de Lisboa e Vale do Tejo, que é aquela que tem tido maior dificuldade em dar resposta a estas situações por causa da falta de médicos.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



Quando a capacidade do SNS está preenchida, neste região, o plano definido pela DE-SNS permite ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes do Instituto Nacional de Emergência Médica (CODU/INEM) orientar as grávidas em trabalho de parto, com mais de 36 semanas de gestação e sem fatores de risco, para hospitais do setor privado.

Na nota que acompanha o novo mapa das urgências de ginecologia/obstetrícia, a DE-SNS sublinha que a capacidade do SNS, funcionando em rede, “tem conseguido responder às necessidades”, apenas encaminhando para o privado, em média, uma grávida a cada dois dias para evitar ”deslocações para instituições mais distantes”.

A DE-SNS reconhece a carência de médicos de ginecologia/obstetrícia e de neonatologia/pediatria em Portugal, frisando que se trata de uma situação que ocorre a nível internacional.

De acordo com as previsões da Organização Mundial de Saúde esta situação deverá manter-se “a médio prazo”, acrescenta.

A Direção Executiva do SNS decidiu manter até final de abril o esquema de funcionamento da Operação ‘Nascer em Segurança no SNS que vigorou no primeiro trimestre.

Assim, vão funcionar de forma ininterrupta 28 dos 43 serviços, duas maternidades vão atender apenas doentes referenciados e oito terão dias de pausa devido à falta de médicos.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 21 minutos

Famalicão: Homem detido por desrespeitar inibição de condução por 12 horas

A Polícia de Segurança Pública levou a cabo a detenção de um cidadão de 53 anos por desobediência qualificada. De...

Famalicãohá 1 hora

Famalicão: Incêndio deflagra em habitação em Lemenhe

Um incêndio deflagrou, ao final da manhã desta terça-feira, numa habitação na Rua Papa João Paulo II, na freguesia de...

Famalicãohá 2 horas

Famalicão: Comunidade escolar da EB 2,3 Júlio Brandão unida em vigília por jovem com problemas de saúde

A comunidade escolar da Escola EB 2,3 Júlio Brandão estará reunida, esta sexta-feira às 21:00, para levar a cabo uma...

Desportohá 2 horas

FC Famalicão: Jhonder Cádiz marcou 6 golos em 5 jogos e já está no “Top 5” da I Liga

Depois de alguns momentos de incerteza e mudança na equipa principal do FC Famalicão, provocados pela saída do treinador João...

Desportohá 3 horas

CX A2D apura-se para os “quartos” da Taça Portugal de Xadrez

A equipa de xadrez CX A2D da Didáxis esteve em competição, no último domingo, na Taça de Portugal de Xadrez...

Desportohá 3 horas

Ténis Clube de Famalicão realizou 1.º Open de Ténis em Cadeira de Rodas

O Complexo de Ténis de Famalicão recebeu no último sábado e domingo o 1.º Open TCR de Famalicão em Cadeira...

Famalicãohá 3 horas

Famalicense Paulo Cunha ocupa segundo lugar da AD para as Europeias

Paulo Cunha, vice-presidente do PSD e ex-presidente da Câmara Municipal de Famalicão e Ana Miguel Pedro, indicada pelo CDS-PP, ocupam...

Desportohá 16 horas

Riba d’Ave HC homenageia Sr. Francisco Machado que dedicou mais de 20 anos ao serviço do clube

Esta 24.ª jornada do Campeonato Nacional hóquei em patins foi marcada por um momento de homenagem por parte do Riba...

Desportohá 17 horas

Famalicenses da Jing-She conquistam medalhas de ouro e prata no 7º Torneio Internacional de Wushu da Maia

Os atletas da Jing-She – Associação Desportiva Escola de Wushu de Famalicão participaram em mais uma competição, no último sábado,...

Economiahá 18 horas

Latas de atum mais caras 30% desde o início do ano

O preço do cabaz dos 63 produtos alimentares considerados essenciais baixou 1,07 euros entre 10 e 17 de abril, passando...

Arquivo

Mais Vistos