Siga-nos nas redes

Economia

NOS nega acusações de subida de preço e quebra de qualidade do serviço

Publicado

em

Após o regulador Anacom ter divulgado que as três operadoras aumentaram as mensalidades nas ofertas triplas (3P) e diminuíram qualidade,a NOS veio a público recusar a acusação de que tenha subido os preços aos seus clientes e reduzido a qualidade dos serviços,

“Não é verdade que a NOS tenha subido os preços aos seus clientes, nem tão pouco reduzido a qualidade dos seus serviços”, garante a operadora de telecomunicações, criticando o comunicado da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom), “que indicia que tal aconteceu”, mas que “não passa de mais uma iniciativa para tentar enganar os portugueses”.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



A NOS garante que “nenhum cliente” seu “viu ou verá os seus preços aumentados, em qualquer momento, como consequência do lançamento de novas ofertas” e aponta que “a afirmação do regulador é pura e simplesmente falsa” e acusa a Anacom de ter como “único objetivo” o de “denegrir o setor, recorrendo a uma narrativa conscientemente falsa”.

Em comunicado, o regulador tinha divulgado que, entre outubro e novembro, “os três principais prestadores de comunicações eletrónicas em Portugal (MEO, NOS e Vodafone) aumentaram as mensalidades das suas ofertas base triple play [3P] em 3,3% (mais um euro)”.

A Anacom apontou que, “na sequência deste aumento de preços, que surge ao mesmo tempo e na mesma proporção, e que é muito superior à taxa de inflação, a mensalidade mais baixa das suas ofertas triple play sobe para cerca de 31 euros”, salientando que desde 2018 que “não existem diferenças nas mensalidades deste tipo de ofertas, que incluem Internet fixa, telefone fixo e televisão por subscrição”.

E, “em simultâneo com o aumento de preços, registou-se também uma redução da qualidade deste tipo de ofertas nos três operadores, visto que a velocidade de download anunciada baixou de 100 Mbps para 30 Mbps”, refere a Anacom.

Lamentavelmente, o regulador não se congratulou nem tão pouco divulgou a redução de mais de 10% do preço na oferta de Internet fixa da NOS, oferta a que dá tanta relevância. Tal revela de forma inequívoca o seu enviesamento e processo de intenções”, salienta a empresa.

A operadora de telecomunicações do grupo Sonae considera que “o presidente da Anacom é incapaz de conviver com a verdade e demonstra um absoluto desprezo pelos factos” e que “tal comportamento é indigno do cargo que ocupa e manifesta um profundo desrespeito pela instituição e pelo Estado em geral”.

Referindo não serem “claros os interesses que patrocina”, a NOS prossegue apontando que “não serão certamente os das empresas ou dos consumidores portugueses”.

Para a empresa, “tudo o que o regulador pretende com este tipo de desinformação é criar uma nuvem de fumo para distrair os portugueses das consequências dramáticas que o regulamento do leilão 5G trará para o país”.

Em suma, “sejamos claros: não houve aumento de preços nem redução da qualidade, o que há é um regulamento 5G absolutamente inaceitável e um regulador que, sem argumentos, fabrica uma narrativa integralmente falsa para justificar o absolutamente injustificável”, salienta a NOS.

“Que tal abuso de poder, sem qualquer escrutínio e sem consequências, possa acontecer num estado de direito, deveria ser motivo de reflexão para todos”, remata a operadora.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 11 horas

Aviso Amarelo por previsão de queda de neve no distrito de Braga

 O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu hoje avisos de queda de neve para 10 distritos do...

Desportohá 13 horas

FC Famalicão: Ninguém “respira” até alcançar nova vitória frente ao Arouca. JP Sousa lidera um plantel “super confiante e motivado”

O treinador do Famalicão reforçou hoje a necessidade de manter, frente ao Arouca, o registo de vitória, e disse que...

Famalicãohá 14 horas

Famalicão espera fim de semana de chuva. “Máximas” entre os 12.º e 13.º graus

Famalicão espera um fim de semana de chuva e com temperaturas significativamente mais baixas do que as registadas na última...

Famalicãohá 14 horas

Imigrantes procuram uma vida melhor em Famalicão

Os dados mais recentes datam de 2020 e apontam para a existência de cerca de 2.500 estrangeiros em Famalicão com...

Desportohá 15 horas

A febre do Padel! As melhores cidades portuguesas para os amantes da modalidade

Experimente a adrenalina do padel como nunca antes!   Foto: © Manuel pappacena, via unsplash No estimulante mundo do desporto,...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Despiste na A3 em Cruz faz dois feridos

Duas pessoas ficaram feridas, na tarde desta quinta-feira, na sequência do despiste de um veículo de transporte de mercadorias, na...

Famalicãohá 16 horas

Câmara de Famalicão vai reforçar a iluminação pública no Campo da feira

A Câmara de Famalicão vai avançar com uma intervenção do campo da feira que prevê o reforço da iluminação pública,...

Desportohá 16 horas

Jogos da I Liga homenageiam trabalho de vida de Artur Jorge falecido aos 78 anos

Os jogos de hoje de Benfica, Sporting de Braga e Sporting na Liga Europa de futebol terão um tributo ao...

Desportohá 17 horas

Roteiro Associativo com a 365 Running Project

Esta semana, os nossos convidados representam a Associação de Desporto e Aventura 365 Running Project, uma associação dedicada ao trail...

Famalicãohá 18 horas

Famalicão: Festival de Teatro Amador “Terras de Camilo decorre entre 02 de março e 27 de abril

O Centro de Estudos Camilianos, em Seide, recebe o XVII Festival de Teatro Amador “Terras de Camilo”, entre os dias...

Arquivo

Mais Vistos